Terça, 16 de Julho de 2019
CDHU realiza sorteio de casas em Votuporanga e Dolcinópolis
19/06/2019 as 08:38 | Região | Da Redaçao
CDHU sorteou 72 unidades habitacionais e autorizou ordem de serviço para regularização fundiária em cinco municípios da região
Foi sorteada nesta terça-feira (18), 72 novas moradias pela Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano (CDHU) na região de São José do Rio Preto, sendo 60 delas em Dolcinópolis e 12 no município de Votuporanga, localizadas no Distrito Simonsen.

As unidades habitacionais atendem as diretrizes de qualidade da Secretaria Estadual de Habitação: redes de água e esgoto, drenagem, rede elétrica e iluminação pública, pavimentação, paisagismo, muro de divisa, estrutura metálica para cobertura, esquadrias em aço, laje, piso cerâmico e sistema solar fotovoltaico. As casas possuem 56,67 m² e contam com dois dormitórios, sala cozinha e banheiro.

“Estamos realizando o sonho da casa própria de qualidade para as famílias viverem melhor”, registrou Carlão Pignatari que é deputado estadual e como líder do governo João Doria tem participado do aprimoramento dos programas habitacionais que a gestão vem realizando além da criação de novos projetos para atender a demanda do estado.

O governo de São Paulo já construiu 46.495 Habitações de Interesse Social (HIS) no Noroeste Paulista e outras 2.518 estão em obras. Em Votuporanga foram 1.694 moradias sorteadas até o momento e outras 120 já estão programadas para a construção.

“Nosso trabalho é melhorar a vida das pessoas com moradias para quem precisa e fora dela com saúde, segurança e educação de qualidade”, destacou.

REGULARIZAÇÃO FUNDIÁRIA

Além dos sorteios das casas próprias foram autorizadas as ordens de serviço para o programa de regularização fundiária Cidade Legal. Em Bady Bassit, serão 112 lotes do Loteamento Vista Alegre. Em Dirce Reis, serão 36 lotes da Vila

União. Em Macedônia, serão 35 lotes do núcleo Manoel Valentim Gonçalves. Em Onda Verde, serão 123 lotes da Estância Chaparral e 25 lotes do Loteamento Jardim Alvorada IV. Por fim, em Palestina, serão 120 lotes do Bairro Bom Pastor.

Carlão destaca a importância do programa que “acelera e desburocratiza o processo de regularização sem custo aos município e aos moradores”, destacou. O governo João Doria tem priorizado políticas públicas eficazes para a habitação.
MAIS LIDAS
É vedada a transcrição de qualquer material parcial ou integral sem autorização prévia da direção
Entre em contato com a gente: (17) 99715-7260 | sugestão de reportagem e departamento comercial: regiaonoroeste@hotmail.com