Quarta, 22 de Maio de 2019
Bolsonaro chama manifestantes de ‘idiotas úteis’
15/05/2019 as 16:37 | Brasil | Da Redaçao
Ao chegar em Dallas, nos Estados Unidos, nesta quarta-feira (15), o presidente Jair Bolsonaro foi questionado por jornalistas sobre os protestos organizados por estudantes contra o contingenciamento no Ministério da Educação (MEC) e respondeu chamando os manifestantes de “idiotas úteis que estão sendo usados como massa de manobra”.

“Se você perguntar a fórmula da água, não sabe, não sabe nada. São uns idiotas úteis que estão sendo usados como massa de manobra de uma minoria espertalhona que compõe o núcleo das universidades federais”, disse.

O presidente ainda classificou os protestos como algo “natural” e afirmou que “a maioria ali é militante”. Em capitais como São Paulo, Belo Horizonte e Salvador, os atos contra os bloqueios do MEC começaram pela manhã, embora a maior parte esteja marcada para o período da tarde. Algumas universidades e escolas também cancelaram as aulas.

“Na verdade não existe corte, o que houve é um problema que a gente pegou o Brasil destruído economicamente, com baixa nas arrecadações, afetando a previsão de quem fez o orçamento e se não tiver esse contingenciamento eu simplesmente entro contra a lei de responsabilidade fiscal”, explicou Bolsonaro. “Mas eu gostaria que nada fosse contingenciado, em especial na educação.”

Bolsonaro visita Dallas em uma agenda improvisada e organizada às pressas pelo governo, depois de o presidente desistir de ir à cidade de Nova York. Ele participaria do prêmio de “personalidade do ano” concedido pela Câmara de Comércio Brasil-Estados Unidos na noite desta terça, mas a homenagem foi alvo de boicotes e críticas do próprio prefeito da cidade, Bill de Blasio.
MAIS LIDAS
É vedada a transcrição de qualquer material parcial ou integral sem autorização prévia da direção
Entre em contato com a gente: (17) 99715-7260 | sugestão de reportagem e departamento comercial: regiaonoroeste@hotmail.com