Terça, 25 de Junho de 2019
Santos vence Atlético-GO e se classifica na Copa do Brasil
12/04/2019 as 08:29 | Brasil | Da Redaçao
Depois de quase 90 dias longe da Vila Belmiro, o Santos voltou a jogar diante de sua torcida nesta quinta-feira (11) e não decepcionou. O time comandado por Jorge Sampaoli enfrentou o Atlético-GO, pela terceira fase da Copa do Brasil, e conseguiu reverter a vantagem dos goianos com uma vitória por 3 a 0, com dois gols de Carlos Sánchez e um de Rodrygo.

O adversário do Peixe na próxima fase da competição nacional de mata-mata será definido na manhã desta sexta-feira (12), em sorteio promovido pela Confederação Brasileira de Futebol, em sua sede, na cidade do Rio de Janeiro. Os confrontos estão previstos para acontecer nas próximas duas semanas.

O jogo

Assim como aconteceu em partidas anteriores, o Santos exibiu grande volume ofensivo diante do Atlético-GO. Jorge Sampaoli promoveu algumas surpresas na escalação, como a improvisação de Diego Pituca na lateral, e as presenças de Jean Mota, que era dúvida por causa de dores no joelho, e de Rodrygo, que vinha sendo reserva.

Com essas novidades, o Santos quase marcou um gol em cabeceio de Alison e ainda reclamou de um pênalti não marcado em Derlis González. Aos poucos, porém, o volume diminuiu, porque os meias passaram a errar passes. Além disso levou um susto em um contra-ataque que só não terminou em gol de Pedro Raul por conta de uma ótima defesa de Everson.

O susto fez com que o Santos acordasse e passasse a exigir muito trabalho ao goleiro do Atlético-GO. Kozlinski fez grandes defesas em lances que tiveram a participação direta de Carlos Sánchez. Só que a insistência santista e do uruguaio foram premiadas aos 44 minutos, quando Jean Mota deu um belo lançamento para o meio, que só desviou do goleiro para marcar.

Se demorou para abrir o placar na etapa inicial, o Santos voltou a balançar a rede logo no primeiro minuto do segundo tempo. E foi com um belo gol e que teve novamente a participação direta de Jean Mota, que fez cruzamento na grande área para Rodrygo bater de primeira, fazendo 2 a 0.

Apesar da vantagem, o Santos manteve o volume de jogo e chegou ao terceiro gol depois dos 30 minutos. Soteldo, que fez boa partida com a camisa alvinegra, invadiu a grande área, rolou para Carlos Sánhez, que bateu de primeira, marcando pela segunda vez no duelo contra os goianos. Nem mesmo a expulsão de Cueva, aos 48, atrapalhou a festa da torcida santista.
MAIS LIDAS
É vedada a transcrição de qualquer material parcial ou integral sem autorização prévia da direção
Entre em contato com a gente: (17) 99715-7260 | sugestão de reportagem e departamento comercial: regiaonoroeste@hotmail.com