Quinta, 25 de Abril de 2019
Doria participa da criação de Consórcio entre Sul e Sudeste
17/03/2019 as 09:06 | Estado de São Paulo | Da Redaçao
O Governador de São Paulo, João Doria, participou neste sábado (16), em Belo Horizonte (MG), da criação do Cosud (Consórcio de Integração Sul e Sudeste), durante reunião com governadores dessas regiões para discutir pautas conjuntas entre os estados com o maior Produto Interno Bruto (PIB) do País. O anfitrião do encontro foi o Governador de Minas Gerais, Romeu Zema, e que contou com a participação dos Governadores do Espírito Santo, Renato Casagrande; do Rio de Janeiro, Wilson Witzel; do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite; e de Santa Catarina, Carlos Moisés. O Governador do Paraná, Ratinho Jr., não pode participar por conta de problemas de agenda.

“O Consórcio integra sete estados, que representam 70% da economia do país, em torno de causas e objetivos comuns e atuando para a melhoria da qualidade dos serviços públicos nos estados. Em cada Estado existem ações bem feitas e bem realizadas que servirão de exemplo para outros estados”, disse Doria após a reunião realizada na Cidade Administrativa, na capital mineira.

Os temas principais para serem debatidos no Cosud são Segurança Pública, combate ao contrabando, sistema prisional, Saúde, Desburocratização, Turismo, Educação, Desenvolvimento Econômico, Logística e Transportes, Inovação e Tecnologia. O próximo encontro do Consórcio será realizado no dia 27 de abril, em São Paulo, com a participação dos secretários estaduais responsáveis por essas áreas.

“Tivemos uma reunião extremamente produtiva onde decidimos pela criação do Cosud, onde nós iremos integrar esforços para que as nossas mais diversas áreas possam compartilhar práticas e também fazer aquisições em conjunto”, afirmou Zema.

A reunião também serviu para que os governadores demonstrassem o seu apoio à Reforma da Previdência que está sendo debatida no Congresso Nacional.

“Não há como o Brasil pensar em crescimento econômico, em geração de empregos, em geração de oportunidades se nós não discutirmos, votarmos e aprovarmos a Reforma da Previdência”, disse Doria.
MAIS LIDAS
É vedada a transcrição de qualquer material parcial ou integral sem autorização prévia da direção
Entre em contato com a gente: (17) 99715-7260 | sugestão de reportagem e departamento comercial: regiaonoroeste@hotmail.com