Segunda, 18 de Março de 2019
Deputados estaduais de São Paulo tomam posse
15/03/2019 as 16:13 | Estado de São Paulo | Da Redaçao
Noventa e quatro deputados estaduais tomaram posse na tarde desta sexta-feira (15) na Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo. O parlamento paulista é o último do país a iniciar os trabalhos – em outras unidades da federação, a atuação começa em fevereiro.

Entretanto, a data vai mudar – mas só daqui a oito anos. Na quinta (14), a legislatura anterior aprovou uma proposta de emenda à Constituição estadual que antecipa a posse dos deputados para 1º de fevereiro, mudando norma instituída em 1971.

A Casa tem na nova legislatura um índice de reeleição de 55% – apenas 42 dos 94 parlamentares conseguiram se manter nos cargos. Na onda da candidatura de Jair Bolsonaro à presidência, o PSL emplacou 15 deputados e lidera a lista das maiores bancadas.

O feito é inédito, já que o Partido Social Liberal não tinha representantes na Alesp até agora. O Partido dos Trabalhadores tem a segunda maior bancada (com 10 deputados), seguido por PSB e PSDB – que aparecem empatados, com oito cada.

O Poder Legislativo de São Paulo é o mais caro do Brasil e tem um custo de R$ 1,3 bilhão. Para os mandatos atuais, os parlamentares contaram com medos assessores. O Tribunal de Justiça declarou este mês a inconstitucionalidade de cerca de 1,8 mil cargos e determinou a redução do número de funcionários por gabinete de 32 para 23.

Mensagem do governador
Na tradicional mensagem enviada pelo governador aos parlamentares na abertura do ano legislativo, João Doria (PSDB) destacou a necessidade de parceria entre os poderes e ressaltou a importância de programa de desestatização para o crescimento paulista.

Segundo o tucano, o governo tem 220 projetos para “reduzir o tamanho do estado”, o que vai culminar com R$ 50 bilhões em investimentos. Doria também disse pretender contratar professores e treinar policiais, além de melhorar a rede paulista de saúde.

“Na legislatura que se inicia cumprimento nossos nobres parlamentares na certeza de que a parceria entre os poderes, fundada na ética e no respeito às instituições democráticas será a condição para prosperidade e o bem-estar do povo deste grandioso estado. Será também elemento indispensável para o desenvolvimento da nação.”
MAIS LIDAS
É vedada a transcrição de qualquer material parcial ou integral sem autorização prévia da direção
Entre em contato com a gente: (17) 99715-7260 | sugestão de reportagem e departamento comercial: regiaonoroeste@hotmail.com