Segunda, 18 de Março de 2019
Estado oferece microcrédito para negócios afetados pelas chuvas
15/03/2019 as 13:19 | Estado de São Paulo | Da Redaçao
O Banco do Povo Paulista disponibiliza, até o dia 13 de junho de 2019, linhas de microcrédito para empreendedores de pequenos negócios que tiveram prejuízos com as chuvas do último fim de semana.

Vale destacar que, mediante a análise de crédito e a comprovação de endereço, poderão realizar os empréstimos somente pessoas jurídicas de micros e pequenos negócios formais (MEI, ME, LTDA, EIRELI) localizadas nos bairros afetados dos municípios de São Paulo, São Caetano do Sul, Santo André, São Bernardo do Campo, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires, Embu das Artes e Rio Grande da Serra, nas seguintes condições:

– Linhas de créditos de R$ 200 até R$ 20 mil
– Taxa de juros de 0,35% ao mês
– Sem avalista, o limite será de R$ 5 mil reais
– Os empreendedores só poderão buscar crédito nos municípios aonde estão instalados os seus empreendimentos, mediante comprovação de endereço
– Carência de até 90 dias para realizar o primeiro pagamento e prazo de até 36 meses para quitação

Plantão

Neste fim de semana, excepcionalmente, o Banco do Povo da capital (localizado na Rua Boa Vista, 170) estará aberto no sábado e domingo, das 9h às 16h, para a realização das análises de crédito. Nos demais municípios, agentes de crédito estarão de plantão para realizar o atendimento.

Confira os endereços:

Santo André – Praça Quarto Centenário,1 – Paço Municipal – Centro
São Caetano do Sul – Rua Major Carlos Del Prete, 651 – Centro
Diadema – Rua Amélia Eugênia, 397 – Jardim do Comercio
Rio Grande da Serra – Rua Progresso, 700 – Centro
São Paulo – Rua Boa Vista, 170 – Centro
SBC – Praça Samuel Sabatini, 50 – Centro
Ribeirão Pires – Rua Capitão José Gallo, 55 – Centro
Mauá – atendimento será feito por São Paulo

Documentos

Empreendedor:

– Contrato Social e alterações
– Cartão CNPJ
– Cartões de Inscrição Estadual e Municipal
– Certidão Negativa de Débitos (CND) ou Certidão Positiva de Débitos com Efeito de Negativa
– Certificado de Regularidade do FGTS (CRF) ou Relação Anual de Informações Sociais (RAIS), para empresas sem funcionário
– RG e CPF do cliente, dos sócios e dos cônjuges, se houver
– Comprovante recente de endereço em nome da empresa
– Comprovante recente de endereço em nome do cliente e dos sócios, se houver
– Orçamento do bem a ser financiado
– Certidão de casamento do cliente e dos sócios, se houver
– Cartão da conta bancária ou extrato em nome da empresa

Avalista:

– RG e CPF
– RG e CPF do cônjuge, se houver
– Comprovante de residência
– Certidão de casamento, se houver
– Holerite dos últimos 3 meses junto com a carteira de trabalho, declaração do IR ou extrato bancário dos últimos 90 dias
MAIS LIDAS
É vedada a transcrição de qualquer material parcial ou integral sem autorização prévia da direção
Entre em contato com a gente: (17) 99715-7260 | sugestão de reportagem e departamento comercial: regiaonoroeste@hotmail.com