Segunda, 25 de Março de 2019
Caso Marielle e Anderson: Polícia cumpre novos mandados
13/03/2019 as 08:57 | Brasil | Da Redaçao
Agentes da Divisão de Homicídios da Polícia Civil do Rio de Janeiro realizam na manhã desta quarta-feira (13) uma nova operação para cumprir mandados de busca e apreensão no caso das mortes da vereadora Marielle Franco e do motorista Anderson Gomes.

No início da manhã, por volta de 7h, o Ministério Público e a Polícia Civil já estavam em um endereço no Recreio dos Bandeirantes, na zona oeste.

Ainda não há maiores informações sobre quem são os alvos desta nova fase.

Prisões

Policiais da Divisão de Homicídios e promotores do Ministério Público do Rio de Janeiro prenderam na manhã desta terça-feira (12) um policial reformado e um policial militar. Eles são apontados como suspeitos pelos assassinatos de Marielle Franco e de seu motorista, Anderson Gomes. O crime completará um ano nesta quinta-feira (14).

O PM reformado Ronnie Lessa, de 48 anos, é apontado como o suspeito que atirou contra a vereadora. Também foi preso o PM Élcio Vieira de Queiroz, de 46 anos.

De acordo com as investigações, o policial reformado teria realizado disparos contra Marielle e o PM Élcio era quem dirigia o carro usado para levar o criminoso. Ainda segundo as investigações, Ronnie fazia pesquisas na internet sobre locais que a vereadora costumava frequentar. Desde outubro de 2017 o policial pesquisava a vida da política e do então deputado estadual Marcelo Freixo.

Ronnie Lessa foi preso em casa, na Barra da Tijuca, em um mesmo condomínio onde o presidente Jair Bolsonaro possui residência. Não há notícias nas apurações do caso de que o policial e o presidente tivessem relações.
MAIS LIDAS
É vedada a transcrição de qualquer material parcial ou integral sem autorização prévia da direção
Entre em contato com a gente: (17) 99715-7260 | sugestão de reportagem e departamento comercial: regiaonoroeste@hotmail.com