Quarta, 14 de Novembro de 2018
MP denuncia ´Bebê` à Justiça por dupla tentativa de homicídio
08/11/2018 as 20:29 | Buritama | Araçatuba e Região
O Ministério Público de Buritama ofereceu à Justiça, nesta quarta-feira (07), denúncia por duas tentativas de homicídio praticadas pelo comerciante Isac Alexandre Gaspar Pinto, 43 anos, vulgo “Bebê”, que no dia 24 de agosto jogou uma caminhonete contra os donos de um bar onde ele e a companheira estavam e acabaram se envolvendo em confusão.

Na ocasião, após discutir com a companheira dentro do estabelecimento, pelo fato de ela ter se desentendido com uma outra mulher, “Bebê” foi impedido de retornar ao bar depois que saiu até a calçada. Revoltado, ele foi até a caminhonete Ford F-250, que pertence a um amigo do acusado, e retornou ao bar.

“Bebê” chegou a pedir para que uma pessoa tirasse uma bicicleta da calçada e em seguida, conforme mostram imagens registradas pelo sistema de monitoramento do bar, avançou quebrando a porta de vidro, que estava trancada.

Edélcio Negrelli, dono do bar em sociedade com a cunhada, Eliane Silingardi Negrelli, saiu e arremessou um objeto contra a caminhonete. “Bebê” deu ré no veículo e avançou novamente, atingindo de raspão o homem e em cheio a mulher, que foi prensada junto à parede.

O impacto fez com que a parede do bar se quebrasse e que Eliane sofresse graves fraturas na região do quadril. Motivo pela qual ela foi encaminhada com urgência para a Santa Casa de Araçatuba, onde foi operada e ficou por um tempo na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) e depois foi transferida para o Hospital de Base de São José do Rio Preto. Ao todo, ela ficou 44 dias hospitalizada.

“O acusado agiu por motivo fútil, pois tentou matar Sérgio e Eliane por não terem permitido sua entrada no estabelecimento após a confusão narrada acima e também por que as vítimas tentaram impedir que ele invadisse e destruísse o imóvel com a camioneta. Além disso, ao direcionar o veículo contra as vítimas, o acusado usou meio cruel para a prática dos homicídios, uma vez que o atropelamento e a prensagem dos ofendidos contra as paredes causariam neles sofrimentos atrozes e desnecessários”, descreve o promotor Eduardo Martins Boiati na denúncia oferecida à Justiça.

FORAGIDO COM PEDIDO DE PRISÃO

Após cometer a dupla tentativa de homicídio, conforme denúncia do Ministério Público, “Bebê” fugiu junto com a companheira, usando a caminhonete com a qual praticou as duas tentativas de homicídio.

Desde a data do crime, ele está foragido, tendo em vista que a Polícia Civil pediu sua prisão por conta da gravidade dos crimes praticados. Na denúncia que acaba de ser feita à Justiça, o MP pede que “Bebê” seja preso preventivamente.

Em caso de aceitação do material apresentado pela Promotoria Criminal de Buritama, o MP pede que seja dado prazo para que o acusado apresente sua defesa e que seja agendada audiência para oitiva das vítimas e testemunhas do caso.

Paralelamente ao trabalho do Ministério Público, a Polícia Civil tenta localizar o comerciante. Apenas a companheira dele retornou para Buritama, dias após a ocorrência de toda a confusão que por pouco não terminou em morte.
MAIS LIDAS
É vedada a transcrição de qualquer material parcial ou integral sem autorização prévia da direção
Entre em contato com a gente: (17) 99715-7260 | sugestão de reportagem e departamento comercial: regiaonoroeste@hotmail.com