Segunda, 15 de Outubro de 2018
Tempo de qualidade
01/10/2018 as 14:37 | Fernandópolis | Julio Cesar
MAIS Artigos
Fernandópolis
Fernandópolis
Como seria bom se parássemos para refletir sobre a qualidade de nosso tempo. Sim, o como ele é precioso, e como passa tão rápido. Quando era criança sempre ouvia os adultos dizerem que o tempo voava e não entendia. Nossa vida se compara a uma criança que ganha um pote de balas e come desesperadamente e quando percebe que está acabando começa a degustar, a gastar tempo com cada uma delas. Acredito que isso acontece conosco, com o passar dos anos, com a experiência da vivência começamos a apreciar mais efetivamente cada momento que temos.

Algo muito triste é ver tantos jovens que não se deram conta disso. Muitos não se preocupam em ter um tempo de qualidade. Mas o que é tempo de qualidade?

Desfrutar com alegria de momentos de lazer, risadas, conversas, situações que gerarão lembranças, fotografias mentais com aqueles que amamos que levaremos para o resto da vida, isso é tempo de qualidade. Utilizar bem este precioso presente, que é uma dádiva de Deus, é uma tarefa que devemos desempenhar de forma mais sábia possível.Ele não precisa ser vivido só em família ou entre amigos, mas também no trabalho, sempre tratando seus colegas com carinho, respeito e solicitude.

Não posso esquecer-me de citar algumas ações que devemos evitar que não edificam nossa vida, gastam nosso tempo e não nos proporcionam plenitude e felicidade.Conversas e situações inúteis, excesso de entretenimento, uso excessivo de rede social, brigas, agressividade, discussões desrespeitosas, principalmente sobre política, futebol e religião, sobre tudo pensamentos negativos e rancorosos.

Quando somos jovens trabalhamos muito e damos muitas vezes mais importância em ter e acumular bens e muitas vezes nos esquecemos do essencial. Estar com nossos filhos, dar atenção a eles, ter um tempo de qualidade, compartilhar de momentos inesquecíveis, viagens, brincadeiras no chão, atividades conjuntas, com certeza os farão lembrar para sempre da relação familiar. Crianças não precisam de muitos presentes, elas necessitam de tempo, amor e atenção.

Na verdade o ideal seria que pudéssemos viver e sentir intensamente aquilo que é realmente relevante. Fui capelão na cidade de Nova Iorque por anos. Tive a oportunidade de atender algumas pessoas enfermas, algumas em fase terminal, e é muito triste porém edificante ouvi-las encerrando seus papéis neste mundo. Mais edificante ainda é vê-las lembrando, neste momento dos dias de alegrias, amizades, da família, dos abraços, momentos de união. Raramente se lembram de inutilidades, dinheiro, títulos, troféus, porque nossa vida é feita dos momentos especiais que vivemos.

O que realmente importa em sua vida?

Reflita sobre isso e desfrute do melhor tempo. Gaste seus segundos, minutos e horas com qualidade. Comemore, ame, e viva cada dia como se fosse o último, como se seu tempo nesta vida estivesse se esgotando. Lembre-se, ninguém para o cronômetro, o tempo é cruel e implacável por isso devemos aproveitá-lo com gratidão e alegria.

Júlio César - Life Coaching
MAIS LIDAS
É vedada a transcrição de qualquer material parcial ou integral sem autorização prévia da direção
Entre em contato com a gente: (17) 99715-7260 | sugestão de reportagem e departamento comercial: regiaonoroeste@hotmail.com