Quinta, 19 de Julho de 2018
Flamingo que fugiu de zoo em 2005 é visto solto 13 anos depois
10/07/2018 as 18:24 | Mundo | Da Redaçao
Um flamingo africano chamado friamente de “Nº 492” aproveitou-se de um erro do zoológico do condado de Sedgwick, no Kansas, Estados Unidos, e fugiu.

Seus tratadores acharam que o animal não tinha desenvolvido suas asas corretamente e resolveram não cortá-las. Usando uma ventania como impulso, voou para longe do cativeiro em 2005.

Como um animal selvagem viveria em um ambiente tão distinto do que sua espécie está acostumada? Bem… Nº 492, que vamos chamar aleatoriamente de… sei lá… Carlos Alberto, está muito bem, obrigado. Volta e meia é visto em diferentes estados como Wisconsin, Texas e Louisiana.

Na semana passada, foi flagrado em uma de suas raras aparições na baía de Lavaca, no Texas, por membros do departamento de Parques e Vida Selvagem do estado. Estava lá, de boas, infiltrado em um bando de gaivotas. “O que é rosa e branco e gosta de passar um tempo no Texas? Um flamingo africano que escapou de um zoológico do Kansas!”, afirmaram os especialistas em um post na página oficial do departamento no Facebook.

“É um atestado da adaptabilidade desses animais”, disse Scott Newland, curador de aves do zoológico de Sedgwick, de onde Carlos Alberto fugiu, ao jornal The New York Times. Aliás, até hoje Newland não gosta de falar sobre o caso, já que foi um dos responsáveis pela fuga. “Foi basicamente um erro. Não gostamos muito desse caso.”

Carlos Alberto, nosso flamingo querido – que não conhecemos mas já consideramos pacas – não parece ter ficado chateado. Como tem idade presumida de 22 anos, ainda tem muito tempo de voo pela frente, já que a espécie tem expectativa de vida de 50 anos. Toda sorte ao belo pássaro levado pelos ventos à liberdade.
MAIS LIDAS
É vedada a transcrição de qualquer material parcial ou integral sem autorização prévia da direção
Entre em contato com a gente: (17) 99715-7260 | sugestão de reportagem e departamento comercial: regiaonoroeste@hotmail.com