Terça, 22 de Agosto de 2017
Adilson Segura e Manezinho prestam contas de 100 dias de governo
Adilson Segura, prefeito de Valentim Gentil
20/04/2017 as 15:29 | Valentim Gentil | Da Redaçao
O prefeito de Valentim Gentil, Adilson Segura, e o vice Manezinho reuniram a comunidade local para um ato público de prestação de contas de 100 dias de governo.

O evento aconteceu na noite da última quinta-feira, 19/04, na Câmara Municipal, que ficou completamente lotada.

Foram apresentadas as principais dificuldades enfrentadas pela nova administração, como a dívida de cerca de R$ 10 milhões deixada pelo governo anterior, dentre elas, restos a pagar com fornecedores, contas atrasadas de energia elétrica e débitos com a folha de pagamento e o Fundo de Previdência dos Servidores Municipais.

Também foram expostas medidas de economia implantadas nestes primeiros 100 dias, como o rompimento de vários contratos com gastos considerados elevados e abertura de novas licitações, para realização dos mesmos serviços, com economia média de 30% em relação aos valores desembolsados anteriormente pela Prefeitura; além da redução mensal de cerca de R$ 25 mil com energia elétrica e R$ 10 mil com água, entre outras ações que ajudaram o Executivo a conseguir pagar mais de R$ 2 milhões do total da dívida, sem comprometer a qualidade dos serviços prestados à população.

Outro tema abordado foi a frota municipal, que foi encontrada em situação de abandono pelo atual governo, apesar do gasto de R$ 5 milhões efetuado pela antiga administração com manutenção de veículos, valor que daria para comprar, por exemplo, 20 ônibus ou 40 ambulâncias.

Melhorias em todas as áreas públicas também foram mostradas para a população. “Sabemos que há muito a melhorar, mas estamos convictos de estarmos no caminho certo para levantar Valentim Gentil e colocar nossa cidade novamente nos trilhos do desenvolvimento”, disse Adilson Segura.

O prefeito explicou ainda que o tema “dívidas” seria apresentado uma única vez, a título de prestação de contas. “Eu poderia fazer um grande ato em praça pública, mas não faria sentido gastar dinheiro público para falar sobre dívida, fazendo show. Então optamos por esse formato, sem gastos, aberto a todos, na Câmara Municipal. E a partir de agora nós falaremos apenas sobre trabalho, pois foi para isso que fomos eleitos pela população, através de uma candidatura única”.
MAIS LIDAS
ULTIMAS
É vedada a transcrição de qualquer material parcial ou integral sem autorização prévia da direção
Entre em contato com a gente: (17) 99715-7260 | sugestão de reportagem e departamento comercial: regiaonoroeste@hotmail.com